Lake Vilas Charm Hotel


Blog

Como prevenir acidentes domésticos com crianças?

1 de setembro de 2017

criança

As crianças pequenas não sabem avaliar o perigo. Quedas, cortes, queimaduras e intoxicações são as principais causas de acidentes domésticos com crianças. Por isso, saiba como protegê-las dos perigos presentes em todas as casas:

Cuidados com objetos pequenos

Botões, tampas e rolhas de garrafas, moedas, pregos pequenos, parafusos e até brinquedos com peças demasiado pequenas são uma atração irresistível para crianças até aos três anos, que gostam de levar tudo à boca. Mas consistem um grande perigo, pois as crianças podem engasgar-se e até sufocar.

Cuidados com medicamentos

Guarde os medicamentos fora do alcance das crianças, em lugares altos e, de preferência, em armários ou caixas bem fechadas;

Cuidados com escadas, janelas e varandas

As escadas devem ter um corrimão de apoio e o piso não deve ser escorregadio;

Se tiver crianças pequenas, na fase de gatinhar ou a começar a andar, coloque proteções e barreiras em todos os acessos da casa às escadas.

Grades ou redes de proteção em todas as janelas e varandas são as únicas formas de evitar acidentes graves em apartamentos.

Cuidados com piscinas, lagos, lagoas e até na praia

Esteja atento às brincadeiras das crianças na água e nunca deixe a criança sozinha perto de uma piscina, mesmo que esta seja própria para ela. Muitos afogamentos de crianças até aos 4 anos ocorrem porque os adultos se ausentam por “um minuto”, para atender o telefone, ir buscar o lanche, etc.

Coloque braçadeiras ou coletes nas crianças que não sabem nadar, mesmo quando elas estiverem brincando ao pé da piscina. Se escorregarem e caírem para dentro da água estarão mais protegidas.

Cuidados na cozinha

Não deixe crianças sozinhas na cozinha e guarde facas e objetos cortantes em locais pouco acessíveis. Tenha especial cuidado com líquidos quentes, como sopa ou água fervendo, e vire os cabos das frigideiras para o interior do fogão para evitar que as crianças tentem pegá-los. Acidentes com queimaduras são muito frequentes em crianças.

Na cozinha, dispensa ou em qualquer outra divisão da casa ou no jardim, guarde produtos tóxicos e/ou de limpeza em locais inacessíveis às crianças.

Cuidados com eletricidade e tomadas

Esteja sempre alerta, pois uma tomada tem uma atração especial para as crianças que estão na fase de engatinhar ou até um pouco mais crescidas, parecendo os locais ideais para tentarem enfiar os dedos e os mais variados objetos. Instale protetores adequados em todas as tomadas da casa, para evitar choques elétricos.

Atitudes que podem salvar

Não se limite a proibir as crianças de fazerem isto ou aquilo; deve procurar ensiná-las e alertá-las para os riscos que certos atos envolvem, para que elas possam desenvolver a noção do que é o perigo e do que são comportamentos perigosos. Sempre que necessário, explique à criança porque é que as suas ações lhe são permitidas a si e a ela não, apontando razões de idade, capacidade, responsabilidade, segurança, etc.
Getty Images

Se o seu filho engolir uma substância não alimentar, procure ajuda médica. Anote os números dos telefones do seu pediatra, do hospital, dos centros de envenenamento e de outros centros de ajuda em local bem visível.

Texto: Pllyana Teixeira

Fonte: Blog Saúde MG

Lake Vilas Charm Hotel & SPA