Lake Vilas Charm Hotel


Blog

Presunto Parma é rico em Zinco e Livre de Colesterol

7 de maio de 2017

presunto

Feito com carne suína, o presunto Parma é produzido há mais de dois mil anos na cidade de Parma, localizada na região de Emília Romagna, uma das mais ricas terras italianas. Alguns pesquisadores acreditam ter encontrado em sítios arqueológicos evidências do preparado desse tipo de carne no século V a.C. Além do sabor acentuado, ele é um alimento amigo da saúde.

O que é presunto Parma

Retirada da perna traseira esquerda do suíno, as peças de presunto Parma não recebem conservantes nem aditivos químicos, por isso, é praticamente livre de colesterol. Os únicos ingredientes encontrados em sua composição são a carne, sal e tempo (processo de cura que dura até doze meses).

Dessecado, salgado e vendido cru, ele pode ser apreciado com frutas ou em risotos, saladas, recheios e canapés e sanduíches. Além de saboroso, o pernil que permanece cerca de 11 meses maturando, possui aroma e textura agradáveis.

Benefícios para a saúde

Dos nove milhões de presuntos produzidos por ano, 7,5 milhões são consumidos na Itália, e 1,5 milhão são exportados para 40 países, inclusive o Brasil. A partir desse consumo brasileiro, cientistas do Laboratório Thomson de Espectrometria de Massas, do Instituto de Química (IQ) da Unicamp realizaram, em 2012, estudos a respeito desse presunto.

A pesquisa descobriu um novo pigmento natural presente nos presuntos Parma e “ibérico” denominado zinco-porfirina. A substância é uma importante fonte de zinco. “Associado à vitamina C, por exemplo, o zinco favorece o aumento de resistência por parte do sistema imunológico”, afirma o cientista de alimentos Rodrigo Catharino, um dos integrantes da equipe responsável pelo estudo.

Texto: Laís Peterlini

Fonte: Vix