Lake Vilas Charm Hotel


Blog

Vitamina C: por que ela é tão importante para combater o envelhecimento da pele?

18 de julho de 2017

laranja

Eis uma substância importantíssima para o bom funcionamento do nosso corpo – e fundamental para a pele. Além da sua propriedade antioxidante, ação que ajuda no combate ao envelhecimento da pele, a vitamina C também nutre o colágeno natural que produzimos, o que ajuda a manter a firmeza e a elasticidade da pele – efeito que se espalha também pelas cartilagens, ossos e dentes.

O saldo dessa conta é superpositivo, incluindo também diminuição das rugas, uma ajuda extra no clareamento da derme, a melhora de sua imunidade e até um reforço potencializador para os efeitos do filtro solar.

A relação entre a vitamina C e a saúde da pele é tão próxima que quando há carência do nutriente em alguma função do organismo, o corpo supre essa necessidade retirando o composto da pele – o que a torna mais vulnerável às ações do tempo e a agressões diárias. Daí a importância de manter em dia nossa “reserva” da vitamina.

Fontes de saúde

Como não somos capazes de produzir a vitamina C naturalmente, precisamos obtê-la de outras formas.  E a que primeiro vem à mente é por meio da alimentação. Frutas cítricas e vegetais folhosos são uma boa fonte do nutriente – que pode ainda ser ingerido em forma de cápsulas. Lembrando sempre da importância de consultar um profissional especializado ou o seu médico antes de promover mudanças na dieta ou incluir qualquer suplemento na sua alimentação.

Do ponto de vista dos benefícios à pele, uma forma de adquirir a vitamina C é por meio de aplicação tópica, ou seja, usando produtos que contenham a vitamina em suas fórmulas. Dessa forma, é possível conseguir um aumento dos níveis da substância na pele de 20 a 40 vezes maior do que quando a ingerimos.

Nos cosméticos “vitaminados”, procure também em suas composições os derivados da vitamina C e combinações de ativos que potencializem sua ação sobre a pele, como o ácido ferúlico. Mas aqui também é importante a orientação e o acompanhamento de um profissional – no caso, do seu médico dermatologia. É ele quem vai esclarecer as dúvidas que surgirem a cada caso e irá também informar sobre procedimentos e tratamentos que incluam os benefícios da vitamina C.

Um pouco mais sobre os antioxidantes

Os antioxidantes são capazes de neutralizar os radicais livres, átomos ou moléculas instáveis responsáveis pela oxidação das células, processo responsável pelos sinais da idade como as rugas e as linhas de expressão.

Eles também agem de outras formas contra os radicais livres, impedindo que eles ataquem as células e as lesionem – e até mesmo reconstituindo as células danificadas.

Existem dois tipos de antioxidantes: os enzimáticos, produzidos naturalmente pela pele, e os não enzimáticos – grupo no qual se encaixa a vitamina C. Além de agirem no combate ao envelhecimento cutâneo, substâncias com ação antioxidante também protegem a pele de agentes agressores externos, como a poluição e os raios UV.

Texto: Dra. Luciana Maluf

Fonte: Mundo Dermato

Lake Vilas Charm Hotel & SPA